Notícias Recentes



PREFEITO RECEBE ESTUDANTES PARA FALAR SOBRE PASSE ESCOLAR

No início da tarde desta terça-feira (4), o prefeito Carlos Defavari recebeu em seu gabinete estudantes e representantes de alunos que buscavam informações sobre a concessão de passes escolares, especialmente para estudantes que frequentam o ensino profissionalizante em Piracicaba. Defavari havia acabado de receber a redação final do projeto de lei, aprovado pela Câmara de Vereadores.


Depois de breve conversa em frente ao gabinete, Carlos Defavari convidou os estudantes a entrarem e acompanhar a assinatura da Lei. O grupo, que filmou a reunião com o prefeito, recebeu explicação de cada item da nova lei, que entra em vigor após publicação no Diário Oficial da União.


Além disso, o grupo aproveitou para fazer questionamentos ao prefeito, que foram respondidos prontamente. Carlos Defavari explicou sobre o agendamento de exames, como endoscopia, que é um serviço contratado pela Prefeitura. “A clínica que contratamos está sem o equipamento completo para realizar a endoscopia, pois uma paciente mordeu a haste durante o procedimento. A empresa está providenciando um novo equipamento para retomar os exames”, detalhou o prefeito.


Ainda sobre saúde, Defavari falou o prédio da UBS Centro que foi inaugurado e não colocado em funcionamento: “O prédio foi feito – de forma irregular, uma vez que será preciso rever todo o sistema elétrico, que não suporta a instalação de aparelhos de ar condicionado, por exemplo – e inaugurado, mas ficou sem equipamentos e profissionais contratados. Tanto no hospital quanto na Rede Municipal da Saúde nunca se trabalhou de forma preventiva e é isso que estamos buscando”. Carlos Defavari contou ainda que, em reunião da DRS-X (Departamento Regional de Saúde, regional de Piracicaba), Rio das Pedras foi a única entre as 26 cidades da região que aplicou 15% do orçamento na saúde – mínimo exigido por Lei –, enquanto as demais aplicaram na faixa de 25%. “Rio das Pedras é considerada a pior cidade da região”, lamentou o prefeito.


Questionado sobre as reclamações de atendimento na saúde, Carlos Defavari informou que a Prefeitura está providenciando crachás para identificação dos funcionários, assim a população poderá identificar os funcionários que por ventura venham a tratar de forma desrespeitosa e informar por meio da Ouvidoria – disponível no site da Prefeitura ou telefone. “Cada caso será apurado e poderá resultar até mesmo em demissão. Para evitar transtornos, vamos realizar uma atualização dos funcionários, que passarão por treinamentos e capacitações”, afirmou.


Carlos Defavari agradeceu a visita e reforçou seu compromisso e trabalhar por uma Rio das Pedras boa de viver: “a população tem todo o direito de cobrar, mas deve buscar informações em fontes oficiais – site e rede social da Prefeitura. Hoje temos que pagar uma dívida de R$ 33 milhões com o INSS e isso irá afetar o atendimento na saúde, educação e demais setores. Estamos lidando com inúmeros processos trabalhistas, entre outras questões. Sou uma pessoa que tem 50 anos de comércio, já tive mais de 200 funcionários. Estou cuidando da Prefeitura, da minha cidade, como se fosse minha empresa. Nunca deixei de atender ninguém e não será agora que mudarei meu jeito”, completou o prefeito, deixando as portas de seu gabinete abertas para a população.

Autoria: Alex Calmon
Fonte: SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
Foto: Alex Calmon
Postada em : 04/04/2017

Voltar