Notícias Recentes



DESFILE CÍVICO TEM ÁGUA COMO TEMA

Depois de alguns anos sem a realização do desfile cívico em comemoração ao aniversário de emancipação de Rio das Pedras. O prefeito Carlos Defavari, primeira dama Vanda Defavari, vereadores e demais autoridades acompanharam de perto o evento, que fez parte das comemorações dos 123 anos da Cidade Doçura. A Banda Antenor Cortelazzi, sob a competente regência do maestro Denizar Guidolim, encantou com a execução de músicas.


O tema desenvolvido pela Secretaria da Educação junto as diretoras da Rede Municipal de Ensino, pela Secretaria de Cultura foi “Água, fonte de vida”. O enredo foi desenvolvido pelo figurinista Fábio Pimpinato. Participaram estudantes do Ensino Fundamental, isentando os alunos do Ensino Infantil em virtude da pouca idade.


Mesmo diante da crise financeira, a Prefeitura optou por realizar o desfile como forma de prestigiar estudantes e pais, assim como professores e profissionais da Educação. Como incentivo para economizar, os alunos foram estimulados ao uso consciente e de maneira correta, ressaltando a importância de reciclar. Fábio Pimpinato buscou uma forma econômica, reutilizando materiais utilizados em outros eventos, abusando da criatividade e do bom gosto. O resultado não poderia ser diferente, um desfile lindo, com escolas divididas por alas, como uma com seu tema.


A escola Prof. Augusto Elias Salles abriu o desfile falando sobre água limpa e água suja, água como fonte de vida, mas que também provoca enchentes e tragédias. Em seguida foi contata da história de Rio das Pedras e a pousada de Pedro e suas filhas, às margens do Ribeirão Tijuco Preto. A história passou por tropeiros, que usavam a cidade como rota do café e açúcar. Chegaram então os imigrantes italianos, espanhóis e portugueses.


A E.M. Prof.ª Claudete Aparecida Guidolim Nicoli falou mais sobre o Tijuco Preto, onde a pesca era farta de peixes e a água potável. Além de fonte de alimentação, os imigrantes lavavam suas roupas.


Em seguida, a E.M. Prof.ª Maria Aparecida de Aguiar Degaspari trouxe a ala dos pescadores. Entrando em tempos modernos, os estudantes mostraram as décadas de 50 e 60, quando chegou a água encanada. Foi então implantado o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). A escola trouxe também a chuva, que auxilia o cultivo de café, açúcar, frutos e flores. Chuva que também traz enchentes, destruição e sujeira. Por isso, foi lembrada a importância de reciclar para retirar o lixo do meio ambiente.


Em sua última ala, a escola Maria Aparecida apresentou seu projeto de coleta de lacres de latinhas, que são trocados por cadeiras de rodas, doadas para quem precisa. A escola ainda convidou a população a apoiar a iniciativa. Para doar lacres é possível entrega-los na escola ou ligar para 3493-6666 e pedir a coleta.


A E.M. Barão de Serra Negra apresentou fontes de energia e riqueza provenientes da água, assim como a chegada da energia elétrica em Rio das Pedras. Junto com a eletricidade vieram marcos importantes como o cinema, fonte de divertimento, cultura e lazer. A escola trouxe ainda marinheiros e a Marinha, a culinária que vem dos mares e rios, sendo fruto de sustento para milhares de famílias, assim como o petróleo extraído em alto mar, que move a economia do país.


A E.M. Prof.ª Immaculada Grecco Civolani, de forma lúdica, mostrou contos de fadas e histórias que envolvem a água, como sereias, riquezas do fundo do mar, tesouros submersos e navios piratas. Em seguida vieram os retirantes do Norte e Nordeste, que veem para Rio das Pedras fugindo da seca, em busca de um sustendo. Arco íris e borboletas encerraram do desfile da escola, como símbolos de esperança e recomeço.


Já a E.M. Contador Waldomiro Domingos Justolim (Comércio) apresentou a água como fonte de diversão e lazer através de esportes aquáticos e do verão brasileiro e suas praias.


Por fim, a E.M. Maria Arlete Angeleli mostrou que a água é capaz e levas coisas ruins embora e trazer coisas boas.


Também participaram do desfile grupos do CRAS, Ação Social e Melhor Idade, Arte e Dança que convidou o público para a Festa Italiana que será realizada em outubro, Paixão de Cristo. A Loja Roché desfilou logo a frente de grupos do esporte: karatê, handebol, futebol, muay thai, kangoo jump, academia Blak Sports, vôlei e bicicleta. As turmas do Tatu Loko e Jipeiros de Rio das Pedras vieram em seguida. Fechando o desfile, a Guarda Civil Municipal junto com o Siaph (Serviço Integrado de Atendimento Pré-Hospitalar).


Além da Banda Antenor Cortelazzi, a Famam (Fanfarra Marcial Amigos) de Santa Bárbara d’Oeste e a Banda dos Desbravadores se apresentaram durante o desfile cívico.

Autoria: Alex Calmon
Fonte: SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
Foto:
Postada em : 11/07/2017

Voltar